Categoria: Canto do Leitor

INTERLÚDIO

INTERLÚDIO A perda marca o interlúdio do tempo, que tão lentamente se desperdiça nos cômodos da casa, completamente preenchidos de vazio. Nas tardes de quinta-feira ele te faz
Read More

Veraneio

Ainda não havia reparado, mas hoje reparo Todos amores são pedaços de vento e brisa Não são pedaços de algum nobre tecido caro São só retalhos de uma
Read More

Coisa-Poesia

Eu Como poeta Já abandonei há tempos O que ainda chamam de poesia A poesia ultrapassada do sentimento Do homem que se aterra feito emoção E só sente
Read More

Devaneio

As horas passam mais rápido depois das 2 da manhã Passam rápido se penso no que poderíamos ter sido Ainda que hoje o que somos represente o nada
Read More

Espelho Negro

ESPELHO NEGRO O Espelho Negro que reflete nossas almas Tão profundo quanto a podridão do ser humano. Nele se encontram caminhos Onde ninguém sequer jamais ousaria chegar. Oh,
Read More